Inicio Desenvolvimento Projeto quer implantar energia solar em supermercados de Santa Catarina

Desenvolvimento

Projeto quer implantar energia solar em supermercados de Santa Catarina

A Associação Catarinense de Supermercados lançou na última quinta-feira (2) o projeto Supermercados Solares.

3 de março de 2017 • Atualizado às 14 : 53
Projeto quer implantar energia solar em supermercados de Santa Catarina

As coberturas dos supermercados são áreas propiícias para a instalação do sistema solar fotovoltaico. | Foto: iStock by Getty Images

8.73K
0

A Associação Catarinense de Supermercados (Acats) lançou na última quinta-feira (2) o projeto Supermercados Solares. O programa visa facilitar o financiamento para a instalação de sistemas fotovoltaicos em edifícios do setor.

Durante o evento de lançamento foi assinado um protocolo de intenções sobre um acordo com o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e com a empresa de energia solar Engie Solar. Por meio do acordo, os associados da Actas conseguirão financiar a compra de equipamentos e sistemas para a instalação de geradores fotovoltaicos em suas redes de lojas.

O projeto visa a redução de custos operacionais dos supermercadistas, já que a energia elétrica representa o segundo maior gasto do setor. Além disso, mostra a preocupação com a sustentabilidade, já que a energia solar é renovável. “São empresas que sofrem cada vez mais com os altos custos da eletricidade e que, ao mesmo tempo, possuem áreas muito boas para a instalação de painéis fotovoltaicos”, explica Rodolfo Sousa Pinto, CEO da Engie Solar.

O superintendente da agência catarinense do BRDE, Nelson Ronnie dos Santos, explica que, com a formalização do convênio, os supermercadistas terão acesso a condições especiais de tramitação dos projetos, com mais agilidade. “Além disso, dependendo do porte da empresa, poderão financiar 100% do projeto, com até 20 anos para pagar”, informa.

As linhas de financiamento são repasses do BNDES e o percentual do projeto que poderá ser financiado vai depender do faturamento da empresa ou grupo empresarial.

Rodrigo Kimura, diretor de operações da Engie Solar, explica que um dos objetivos da parceria é a viabilização da aquisição e instalação dos painéis de forma coletiva. “Teremos descontos progressivos, que podem chegar a 20% conforme a adesão dos supermercadistas”, explica.

Para Eduardo Sattamini, presidente Engie Brasil, a ACATS é a primeira associação a pensar de forma coordenada para resolver o problema de energia. “Com certeza é um modelo que poderá ser replicado em outras entidades por todo o Brasil”, afirma.

(8733)

logo
Fechar
Abrir
logo