Inicio Desenvolvimento Índia planeja a maior usina solar do mundo

Desenvolvimento

Índia planeja a maior usina solar do mundo

O objetivo da Índia é chegar a 2030 tendo 40% de toda sua energia proveniente de fontes renováveis.

6 de julho de 2016 • Atualizado às 15 : 28
Índia planeja a maior usina solar do mundo

Com cerca de 300 dias de sol por ano, a Índia tem uma das melhores condições do mundo para aproveitar a energia solar. | Foto: iStock by Getty Images

1.18K
0

A energia elétrica ainda é um problema na Índia, onde quase 300 milhões de pessoas vivem sem acesso à eletricidade e os combustíveis fósseis são a principal fonte energética. Esses fatores, aliado às condições ambientais favoráveis, têm levado o país a fazer planos audaciosos em termos de energia renovável, principalmente fotovoltaica. Os indianos já têm projeto de construir uma fazenda solar de dois gigawatts.

A usina, que deve ser construída no estado de Karnataka, irá gerar energia suficiente para abastecer, em média, um milhão de famílias. Além disso, o empreendimento deve impedir de 20 milhões de toneladas de CO2 sejam emitidas.

O objetivo da Índia é chegar a 2030 tendo 40% de toda sua energia proveniente de fontes renováveis. Apenas em relação ao potencial solar, o intuito é alcançar 2022 produzindo cem gigawatts. Para isso, o país conta com investimentos estrangeiros e principalmente, com o apoio do Banco Mundial.

A instituição fornecerá mais de um bilhão de dólares para ajudar o país a chegar ao alvo. O programa governamental de telhados solares, por exemplo, já conseguiu empréstimo de US$ 625 milhões.

“Com cerca de 300 dias de sol por ano, a Índia tem uma das melhores condições do mundo para aproveitar a energia solar. A rápida expansão do setor pode melhorar a qualidade de vida de milhões de indianos, especialmente da população mais pobre. A evolução também pode criar milhares de empregos da indústria solar”, explicou Onno Ruhl, Diretor do Banco Mundial na Índia, à ONU.

Redação CicloVivo

(1177)

logo
Fechar
Abrir
logo