A Associação Instituto Mapinguari acaba de divulgar edital para contratação de profissionais para trabalhar nas unidades de conservação do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) no estado do Amapá. Serão selecionados três profissionais por tempo determinado de 18 meses. As vagas são para unidades de conservação nas cidades de Macapá, Porto Grande e Serra do Navio. As inscrições encerram em 12 de janeiro de 2018.

O objetivo é participar do Projeto Motivação e Sucesso na Gestão de Unidades de Conservação Federais (MOSUC). O Projeto tem como missão a identificação de soluções inovadoras para os principais desafios de gestão nas Unidades de Conservação da Região Amazônica, assim como o desenvolvimento local e do capital humano.

O processo de seleção será composto por duas etapas classificatórias: avaliação documental/curricular e entrevista. Os profissionais devem obedecer alguns critérios de seleção, que estão especificados no edital. Além de apresentar o currículo, com destaque para atividades realizadas em unidades de conservação.

Os interessados deverão preencher uma ficha de inscrição anexa ao edital de seleção. As entrevistas serão feitas nos locais previstos de execução das atividades. Para fazer a inscrição online é necessário enviar a ficha de inscrição (anexo I do edital), currículo e comprovantes exigidos em cada perfil para o e-mail [email protected], especificando o perfil para o qual a pessoa está se candidatando.

O candidato também poderá fazer a inscrição presencial, entregando os documentos exigidos nos seguintes locais:

Em Macapá, dia 09/01, no horário de 9h às 18h, no ICMBio, localizado na rua Leopoldo Machado, 1126, Centro.

Em Porto Grande, dia 10/01, no horário das 9h às 18h, no ICMBio, localizado na avenida 8 de agosto, s/n, esquina com a rua 13 de Setembro.

Em Serra do Navio, dia 11/01, no horário de 9h às 18h, no escritório do Parque Nacional Montanhas do Tumucumaque, Localizado na rua do Campo, 911.

O interessado pode acessar este edital.

Por ICMBio.

Jornalista, social media e aparelhada para gostar de passarinhos. Tem interesse por mais assuntos do que é capaz de acompanhar. Aqui escreve sobre infinitas possibilidades de tornar o mundo um pouquinho melhor.