Cidade israelense reaproveita 100% da água

A cidade Tel Aviv consegue reaproveitar toda a água que consome. Parece utopia, mas é verdade. Na região, a água suja é destinada a um complexo de tratamento e é totalmente recuperada.

A cidade Tel Aviv consegue reaproveitar toda a água que consome. Parece utopia, mas é verdade. Na região, a água suja é destinada a um complexo de tratamento e é totalmente recuperada.

O esgoto é bombeado para dentro da terra e novamente retirado. Neste processo, ele é purificado ao passar por tratamentos físicos, químicos e biológicos. Tudo isso é feito na maior estação de tratamento do Oriente Médio, o Shafdan.

Logo depois, a água percorre cerca cem quilômetros por dutos até chegar ao deserto de Neguev, neste ponto diversas plantações são irrigadas. Este local recebeu áreas agrícolas, que antes eram concentradas no centro do país.

O sistema, da companhia nacional de água de Israel, começou a ser instalado há mais de 30 anos. Provando que mudanças de comportamente não acontecem da noite para o dia. O Shafdan é um exemplo para o resto do mundo de como um país que enfrenta escassez de água pode usar esse recurso de maneira sustentável, desde que as técnicas corretas sejam aplicadas.

A questão da água será um dos temas tratados na Rio+20. Uma das discussões baseia-se em um dado da ONU, que afirma que desde 1990, aproximadamente, 1,7 bilhão de pessoas passaram a desfrutar de água potável, entretanto ainda há mais de 880 milhões de cidadãos no planeta que não têm esse privilégio. Com informações do G1.

Redação CicloVivo