Após uma descoberta de cientistas norte-americanos, o designer Mike Thompson criou uma lâmpada movida a algas. Para o equipamento funcionar é necessário apenas: água, luz do sol e gá s carbônico. 

A invenção se tornou possível graças à té cnica desenvolvida pelos cientistas, em que eletrodos com 30 nanômetros de largura são inseridos em organismos fotossintetizantes de células de algas.

A lâmpada utiliza nanotecnologia e fotoss& iacute;ntese. O designer criou uma lâmpada com gargalho, em que são inseridas as algas com eletrodos. Para que ela funcione é preciso mantê-la sempre com água, ao sol e com CO². Para colocar o gás carbônico basta assoprar na lâmpada.

A iluminação vem de acordo com a intensidade da luz. Assim as células se alimentam usando o CO² e a água. Latro foi o nome escolhido para a invenção.

Fonte: Info

Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.