Uma casa modular fabricada a partir de materiais reciclados. É esta a premissa da chamada “Casa Biológica”, projetado pelo estúdio de arquitetura dinamarquês Een til Een, que une princípios ecológicos com modernidade.

Construída em Middelfart, um município da Dinamarca com população estimada em 20 mil habitantes, a residência possui em sua estrutura produtos residuais da indústria agropecuária, como grama e palha. Tais materiais que seriam queimados se transformaram na matéria-prima para a realização do projeto.

Muitas técnicas foram testadas e desenvolvidas ao longo do trabalho. Em uma das aplicações, por exemplo, em vez de uma base de concreto tradicional, que não permite a mesma reciclabilidade, o prédio está edificado sobre pilhas de parafusos, tipicamente usadas para construir fundações profundas com um mínimo de ruído e vibração. E o mais bacana é que todas inovações foram apoiadas por um fundo ambiental que incentiva as construções ecológicas no país e estão disponíveis no mercado.

Foto: Een til Een
Foto: Een til Een

No revestimento da residência, foi usado uma madeira sustentável desenvolvida na Noruega. Da concepção à conclusão, mais de 40 parceiros foram envolvidos na construção da Casa Biológica, que agora está aberta para visitação na maior exposição de construção permanente da Dinamarca.

biological-house-in-middelfart-e211117-m7 biological-house-in-middelfart-e211117-m6 biological-house-in-middelfart-e211117-m5 biological-house-in-middelfart-e211117-m4 biological-house-in-middelfart-e211117-m11 biological-house-in-middelfart-e211117-m9 biological-house-in-middelfart-e211117-m10 biological-house-in-middelfart-e211117-m16 biological-house-in-middelfart-e211117-m20 biological-house-in-middelfart-e211117-m2 biological-house-in-middelfart-e211117-m1

Fotos: Een til Een

Redação CicloVivo