latinhas Sapucaí
- Publicidade -

Uma ação coletou mais de 6 toneladas de latinhas de alumínio para bebidas durante os quatro dias de desfiles das escolas de samba no Carnaval da Sapucaí, no Rio de Janeiro (RJ). A iniciativa é realizada pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Latas de Alumínio (Abralatas), em parceria com a Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (Liesa) e 80 catadores de materiais recicláveis, coordenados pela Associação dos Catadores do Jardim Gramacho (Acamjg).

Durante os desfiles das escolas de samba na Sapucaí, foi montada uma estrutura do Cada Lata Conta – a versão brasileira do programa Every Can Counts. Na ação, catadores devidamente identificados e com materiais de EPI, receberam diárias para coletar as latas, fazer a separação dos rejeitos e de outros materiais e transportar toda a sucata para as cooperativas de reciclagem.

“Através do Cada Lata Conta e em parceria com os catadores, tivemos a oportunidade de garantir a coleta de todas as latinhas consumidas no Carnaval do Rio”, comemora Cátilo Cândido, presidente da Abralatas. “Além disso, demos orientações aos foliões sobre a importância da reciclagem”.

- Publicidade -

As 6,2 toneladas de latinhas serão vendidas pelos próprios catadores para centrais de reciclagem, gerando ainda mais renda para esses profissionais. “O exemplo mais claro de economia circular, uma embalagem que, após o consumo, vira matéria-prima, gera renda para milhares de pessoas e volta a ser uma nova lata em apenas 60 dias”, comentou o presidente da Abralatas. A ação deve continuar no desfile das campeãs, neste sábado (30).

LEIA TAMBÉM

- Publicidade -