- Publicidade -

Um banheiro que pode ser instalado nas áreas mais remotas e é capaz de transformar os dejetos humanos em eletricidade. É esta a proposta desenhada pelo estúdio de arquitetura Spark em apoio ao Dia Mundial do Toalete (19 de novembro) criado pela ONU.

- Publicidade -

Banheiro deveria ser básico em todas as residências, assim como ser atendido por um sistema de saneamento de qualidade. Mas, segundo a ONU, quase um bilhão de pessoas ainda usam áreas externas para fazer suas necessidades. Foi para apoiar esse movimento de conscientização e busca de soluções que o estúdio Spark desenvolveu o “The Big Ass Toilet”, impresso em 3D e facilmente transportável.

Além de prático, ele pode converter os dejetos em biogás por meio de um sistema de microcogeração, que usa calor e energia combinados. A ideia é resolver dois problemas de uma vez: a falta de acesso ao banheiro e à eletricidade em comunidades remotas.

Cada cabine seria feita a partir de fibras de bambu e resina de biopolímero. Outros materiais podem ser adaptados de acordo com cada realidade local. Faz parte do projeto, por exemplo, o uso de energia eólica e energia solar fotovoltaica. A proposta é que a  cúpula fique sob o solo e use, além dos resíduos humanos, também rejeitos animais e vegetais.

No momento, estão sendo desenvolvidos protótipos da invenção. Enquanto isso, podemos acompanhar os passos de Bill Gates que já apresentou seu vaso que transforma dejetos em fertilizantes sem usar água, veja aqui.

- Publicidade -