Inicio Mobilidade Pesquisa mostra o perfil e as dificuldades de quem pedala no DF

Mobilidade

Pesquisa mostra o perfil e as dificuldades de quem pedala no DF

81,6% desses ciclistas usam a bike como meio de transporte para se deslocarem ao trabalho.

8 de dezembro de 2015 • Atualizado às 13 : 50

A maior parte dos ciclistas que pedalam pelas ruas do DF têm entre 15 e 34 anos. | Foto: José Cruz/ Agência Brasil

Pesquisa mostra o perfil e as dificuldades de quem pedala no DF
1.75K
0

Um estudo feito pela ONG Transporte Ativo, juntamente com outras organizações e o Programa de Pós-Graduação em Urbanismo da UFRJ, estudou o perfil dos ciclistas em diferentes cidades do Brasil. Em uma das etapas o local escolhido foi o Distrito Federal. A pesquisa mostra detalhes de quem costuma andar de bicicleta e quais são as dificuldades encontradas no caminho.

O trabalho contou com entrevistas feitas com 433 participantes. Desta amostra, 59,9% das pessoas usam a bicicleta, pelo menos, cinco dias na semana. Além disso, 81,6% desses ciclistas usam a bike como meio de transporte para se deslocarem ao trabalho.

Os pesquisadores também analisaram detalhes do percurso. A integração entre bicicleta e metrô, por exemplo, é a opção usada por 52,2% dos entrevistados e a maior parte das viagens leva de dez a 30 minutos.

Entre as dificuldades, a mais citada foi a falta de infraestrutura cicloviária, lembrada por 28,6% dos participantes, mesmo que a Secretaria de Mobilidade local garante que o DF possui 411 km de vias exclusivas para ciclistas e que exista um projeto de ampliação para outros 238 novos quilômetros. Educação no trânsito foi o segundo problema mais citado, com 22,4%, seguido pela falta de segurança pública.

A maior parte dos ciclistas que pedalam pelas ruas do DF têm entre 15 e 34 anos, 46,7% deles possuem Ensino Médio Completo e 30,5%, Ensino Superior. Em termos econômicos, a renda de 15% dos participantes é de três salários mínimos, de 22,2% é de até dois salários mínimos e outros 16,6% não possuem renda.

A parte da pesquisa que se dedicou a estudar o DF foi lançada nesta terça-feira (8). Mas, o documento completo ainda conta com análises feitas em: Aracaju, Belo Horizonte, Manaus, Niterói, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo.

Redação CicloVivo

(1751)

logo
Fechar
Abrir
logo