Projeto Atitude pelos Oceanos limpeza de praias
Ações de limpeza de praia acontecem ao longo de 2021. Foto: Cleiton | Giro Urbano

Retirar mais de 15 toneladas de resíduos de praias pouco habitadas e de difícil acesso do litoral do Paraná e Santa Catarina. Essa é a meta da etapa inicial do projeto Atitude Pelos Oceanos, lançado no último dia 22 de março, Dia Mundial da Água, pela Organização Não-Governamental Eco Local Brasil, sediada em Barra Velha, Santa Catarina.

As ações operacionais serão realizadas em todo país ao longo do ano e a primeira etapa inicia no mês de abril.  

De acordo com o coordenador da ONG, Filipe Oliveira, apesar de pouco habitadas ou inóspitas, as praias escolhidas concentram grandes quantidades de resíduos. “Já fizemos uma triagem prévia dos locais por onde passaremos e estamos cientes que as ações mais críticas e demoradas irão acontecer nas ilhas paranaenses e litoral norte de Santa Catarina. Infelizmente, é um problema ainda invisível para muitos”, explica.

Desde 2018, o ONG passou também a se responsabilizar pelo descarte do que coleta em suas ações de limpeza, reaproveitando 100% dos resíduos retirados como matéria prima para produtos sustentáveis. Em pouco mais de dois anos, 65 toneladas de resíduos já foram retiradas dos oceanos e transformadas em novos produtos, como brinquedos de plásticos doados para crianças de comunidades litorâneas.

Carrinhos fabricados com plástico retirado das praias pela ONG. Foto: Divulgação

Projeto Atitude pelos Oceanos

A ONG atua há 18 anos com ações ambientais de limpeza de praia e educação ambiental em escolas pelo Sul e Sudeste do país. Foto: Divulgação

Com ampla estrutura logística, que envolverá transporte terrestre e marítimo, o projeto Atitude pelos Oceanos conta com apoio de órgãos públicos competentes de cada área que envolve as ações e tem patrocínio da PortoNave, Favretto Painéis e Core Case.

O cronograma das atividades do projeto vai depender dos decretos locais de combate à pandemia. As ações envolvem equipes reduzidas e, caso seja possível, contará com apoio da população local. As primeiras ações operacionais estão marcadas para o dia 1º de abril em São Francisco do Sul, em Santa Catarina, e para os dias 5 e 6 de abril na Ilha do Mel, no Paraná.

“Queremos fazer as ações com a maior segurança possível e, por isso, vamos atuar com muito respeito e de acordo com as recomendações da vigilância sanitária de cada localidade.”

Filipe Oliveira, Eco Local Brasil

Mais informações sobre o Atitude pelos Oceanos podem ser obtidas no site da Eco Local Brasil.