Programa Tampinha Legal chega ao Paraná

Com esta expansão, o Tampinha legal atinge 10 estados brasileiros, promovendo a economia circular e gerando benefícios sociais

tampinha legal
Foto: Divulgação | Tampinha Legal

O Tampinha Legal é um exemplo de como a economia circular pode envolver comunidades inteiras, reduzindo a poluição plástica e gerando benefícios sociais. Com um modelo colaborativo, o programa promove o descarte correto de tampas plásticas e encaminha o material para reciclagem. Os recursos gerados com a venda são 100% destinados para entidades assistenciais. Reforçando esse compromisso, o programa expandiu as suas atividades para o Paraná, com um posto de entrega localizado no município de São José dos Pinhais.

O início da operação no estado paranaense só foi possível com uma parceria estratégica com a Ambipar Group, empresa global de soluções ambientais integradas. Agora, o Tampinha Legal está oficialmente em 10 Estados do Brasil.

De acordo com a gerente do Instituto SustenPlást, Simara Souza, a demanda pela implantação do Tampinha Legal acontece em vários estados do país e no Paraná não foi diferente. “Estamos muito animados e felizes com o início das operações no estado, pois este é um dos sinais de que estamos conseguindo expandir o propósito do programa aos quatro cantos do Brasil. Temos certeza de que o trabalho que será desenvolvido no Paraná vai superar as expectativas e logo teremos mais postos de entrega e entidades assistenciais participantes”, destacou Simara.

Simara salienta que as entidades assistenciais do terceiro setor do Paraná, também podem se cadastrar diretamente no site do Tampinha Legal, onde também é possível consultar pontos de entrega.

tampinha legal
Foto: Divulgação | Instituto SustenPlást

Atualmente, o Tampinha Legal beneficia 339 entidades assistenciais e oferece 2.833 pontos de coleta distribuídos pelos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Minas Gerais, São Paulo, Alagoas, Pernambuco, Goiás, Distrito Federal, Bahia e, a partir de agora, Paraná.

Atuando desde 2016, o programa já recolheu mais de 1.400 toneladas de tampas plásticas que foram revertidas em mais de R$ 300 milhões para as entidades assistenciais. 

Com os recursos obtidos através do programa, as entidades assistenciais podem adquirir medicamentos, alimentos, equipamentos, ração animal e/ou materiais escolares, bem como custear tratamentos e exames de saúde humana e animal, melhorias em suas sedes, entre outras ações.

tampinhas
Foto: Facebook | Tampinha Legal

“Acreditamos que o engajamento orgânico de voluntários para o Tampinha Legal será como já vimos nos demais estados em que o programa atua. É gratificante observar o comprometimento de todas as faixas etárias, graus de instrução e classes sociais em prol de promover mais qualidade de vida para as famílias das entidades assistenciais do terceiro setor”, finalizou Silmara.

Tampinha Legal 

O Tampinha Legal é uma realização do Instituto SustenPlást com o apoio do Movimento Plástico Transforma. Através de ações modificadoras de comportamento de massa, aumenta os níveis de esclarecimento quanto ao material plástico e seu destino adequado, proporcionando que a economia circular ocorra na prática.

Recentemente, lançou no Núcleo Porto Alegre/RS, o Copinho Legal que, seguindo o modelo do Tampinha Legal, destina os recursos obtidos com a venda dos descartáveis plásticos (copos, pratos e talheres) para as entidades assistenciais participantes.

Além do aplicativo (Android e iOS) é possível saber mais sobre o programa no site tampinhalegal.com.br.

tampinha legal
Entrega de tampinhas coletadas por entidades sociais. Foto: Divulgação | Tampinha Legal