O Havaí pode ser o primeiro estado norte-americano a ser totalmente abastecido por fontes renováveis de energia. A proposta é instalar a tecnologia necessária para toda a produção até 2045, com destaque para as opções solar e eólica.

O projeto de lei sobre o tema foi aprovado na última semana e agora aguarda a aprovação do governador local, David Ige. Caso a medida seja sancionada, o Havaí confirmará metas mais ambiciosas do que as apresentadas pelo estado de Nova York e da Califórnia, que pretendem reduzir as emissões de gases de efeito estufa em 80% até 2050.

A decisão havaiana terá grandes impactos ambientais, mas, principalmente trará mais autonomia e segurança econômica. Atualmente o estado tem os preços mais altos do país para a eletricidade. Isso acontece porque 93% da energia usada no abastecimento é importada.

Hoje o Havaí tem 22% de sua eletricidade gerada a partir de fontes renováveis, principalmente solar e eólica. O projeto é instalar diferentes opções, como: biomassa, hidrelétrica, geotérmica, células de hidrogênio, marés, entre outras.

Para alcançar este objetivo, o estado deverá investir em tecnologia e em sistemas inteligentes de transmissão. Anthony Kuh, diretor do departamento de Energia Renovável e Sustentabilidade na Universidade do Havaí, explicou que o local ainda não possui a estrutura necessária para isso, mas ele está confiante de que o prazo dê tempo suficiente para as adequações.

Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.