- Publicidade -

As garrafas PET podem ter diversos destinos melhores que os lixões ou aterros sanitários. Prova disso é a criação do artista plástico uruguaio Juan Muzzi, que desenvolveu um jeito de transformá-las em uma bicicleta.

A técnica desenvolvida pelo artista, que está no Brasil há 40 anos, é capaz de fazer um quadro de bicicletas em apenas dois minutos. Para conseguir o resultado final são necessárias 200 garrafas plásticas. Os resíduos passam por um processo de trituração, viram pó, são misturados a outros elementos químicos, e então vão para uma injetora. Ao sair do molde a peça já está pronta.

O inventor garante a qualidade do equipamento dando dez anos de garantia e explica que, por ter baixos custos durante o processo de fabricação, uma bicicleta feita com material reciclado pode ser vendida por metade do preço de uma comum. Além da resistência, o material também é muito flexível, por isso não necessita de amortecedores.

- Publicidade -

Muzzi ainda não sabe como fará para conseguir uma grande quantidade de garrafas PET, mas pretende firmar parcerias com outras empresas para que seja possível aumentar a quantidade de produção e tornar o equipamento mais comercial.

Com informações da Globo.com

- Publicidade -