- Publicidade -

Descarte correto de chinelos vai gerar renda na Favela dos Sonhos

Havaianas reCICLO e Coletando iniciam projeto piloto de logística reversa em comunidade da zona leste da capital paulista

Foto: Divulgação

Transformar chinelos usados em benefícios financeiros para a população da Favela dos Sonhos, na zona leste da capital paulista. Essa é a proposta da Havaianas em parceria com o banco digital Coletando. O projeto piloto será executado ao longo de seis meses e, além de contribuir para a geração de renda da comunidade local, a ação promove o descarte correto da borracha após seu uso e a consequente reciclagem dos calçados.

- Publicidade -

O primeiro ecoponto – espaço que fará o recebimento dos chinelos – já foi instalado na comunidade. Para participar do programa, os moradores e catadores de recicláveis da região devem abrir uma conta digital Coletando, que será usada para gerar créditos sempre que eles realizarem o descarte de chinelos Havaianas – e outros resíduos recicláveis.

Havaianas reCICLO
Fotos: Divulgação

O cashback (recompensa financeira) será acumulado na conta e pode ser usado por meio do cartão de ‘crébito’ pelos usuários ou ser recebido via Pix, garantindo assim, o uso livre da moeda e provocando real impacto e economia circular.

Favela dos Sonhos

Favela dos Sonhos
Foto: Divulgação

A Favela dos Sonhos é a primeira Favela 3D do Brasil, uma iniciativa da Gerando Falcões, instituição que desenvolve projetos de educação, desenvolvimento econômico e cidadania com o apoio de uma Rede de ONGs no país. Conheça outros projetos desenvolvidos no local aqui e aqui.

Havaianas reCICLO

A iniciativa na Favela dos Sonhos integra o Havaianas reCICLO, que acaba de chegar ao marco de 200 pontos de coleta no Brasil. Iniciado em 2020 como um projeto piloto, o programa é realizado em parceria com a startup TrashIn e busca conscientizar os consumidores sobre o descarte adequado, fazendo a reciclagem de chinelos antigos.

- Publicidade -

O processo começa com a coleta das sandálias na urna disponível nas lojas. Depois, elas são levadas às cooperativas ou aos parceiros recicladores mais próximos, onde o material passa por uma triagem e é transformado em outros objetos úteis no dia a dia — como pisos, pneus de carrinho de mão, revestimentos para mobiliário e até mesmo em acessórios, como vasos, bolsas, carteiras e estojos.

Havaianas Favela dos Sonhos
Mayara Eduardo da Silva e Luiz Paulo da Silva, empreendedores do Ecoponto da Coletando na Favela dos Sonhos. Foto: Divulgação

“Toda vez que compramos uma Havaianas nova e paramos de usar as antigas, um ciclo de uso se encerra, e logo devemos dar início a um novo ciclo para essa borracha. Com as urnas do Havaianas reCICLO nas nossas lojas, a parceria com as cooperativas de reciclagem e agora com o Coletando, ganhamos cada vez mais abrangência e garantimos que do ciclo de vida dos nossos produtos se cumpra de forma mais sustentável”, afirma Mariana Rhormens, diretora de Marketing da Havaianas Brasil.

Além das urnas em lojas Havaianas, a marca também mantém parcerias com cooperativas que fazem a separação e venda dos chinelos para reciclagem. Inclusive, a marca já contribuiu para a geração de renda adicional de mais de duas mil famílias. Associando-se ao Coletando, a ideia é promover e fortalecer ainda mais seu ecossistema de reciclagem, repensando a lógica tradicional e linear de produção, fomentando e empoderando novas cadeias e inspirando hábitos mais conscientes.

- Publicidade -

Para saber onde descartar seu chinelo usado, clique aqui.

Favela dos Sonhos
Foto: Divulgação
Favela dos Sonhos
Foto: Divulgação