O Dia Mundial da Água, comemorado nesta sexta-feira (22), foi destaque em todo o mundo ao longo desta semana. Diversas campanhas foram realizadas para reforçar a conscientização sobre o uso da água, o bem mais precioso dos seres vivos. Entretanto, o tema precisa ser mais debatido na sociedade e, com esse intuito, algumas iniciativas assumiram essa tarefa. Conheça três projetos que se empenham para incentivar tais ações:

De Olho nos Mananciais

A rede “De olho nos mananciais” se dedica a informar e estimular discussões sobre as fontes de água que abastecem as grandes cidades. Como o próprio nome sugere, o canal é aberto para fiscalizar de onde vem água que a população ingere e, dessa forma, ter condições de fazer denúncias, quando necessário, e propor ações.

Além de conscientizar a população e fornecer dicas de consumo responsável, ela busca mobilizar as pessoas para a recuperação e preservação dos mananciais. A plataforma também promove atos públicos para alertar sobre a situação dos mananciais e exigir a preservação das fontes de água.

Como iniciativa de organizações da sociedade civil, a rede surgiu para dar continuidade à Campanha De Olho nos Mananciais, desenvolvida pelo Instituto Socioambiental (ISA) até 2009. A ação desenvolveu importantes ações, porém teve que encerrar suas atividades com mananciais devido a cancelamento de contratos de patrocínio. Foi nesse momento que um conjunto de movimentos sociais, universidades, instituições religiosas e pessoas envolvidas com o tema decidiram prosseguir com o projeto. 

Planeta Água e ONG Água e Cidade

A empresa paulistana Docol Metais Sanitários já tinha a preocupação ecológica em todo seu processo de produção quando criou o blog Planeta Água. A ideia da plataforma é incentivar ações ecológicas no Brasil e no mundo.

O espaço online é administrado pela engenheira ambiental Rafaela Mussi e reúne pessoas interessadas em compartilhar informações sobre educação ambiental, uso consciente da água e sustentabilidade.

O foco é combater o desperdício e promover debates e ações efetivas. Exemplo disso é a ONG Água e Cidade, também mantida pela Docol. Dentre deste projeto existe o Programa Água na Escola, que surgiu em Joinville, Santa Catarina, em que professores são capacitados para ensinar às crianças o uso e a conservação dos recursos hídricos.

Projeto Água

A ONG Projeto Água é uma iniciativa da empresa Carbografite que buscava um meio para informar a importância de preservar, economizar e recuperar os recursos hídricos. Criada em 2004, a organização está localizada em Petrópolis, no Rio de Janeiro, e possui cinco programas relacionados ao tema e uma fazenda com 210 mil m2 de extensão.

Através do “Programa Reflorestamento”, por exemplo, crianças, jovens e adultos participam do plantio de mudas de árvores nativas da Mata Atlântica. Uma ação que estimula a valorização dos recursos naturais. Já no “Programa Água é vida” são realizadas palestras, dinâmicas e discussões em grupo para debater o tema.

No “Programa Horta na Escola” é incentivado o plantio e consumo de produtos orgânicos. O processo ocorre com o método de gotejamento, em que 95% da água destinada é aproveitada.

O “Jardim dos Sentidos” tem uma proposta interessante. Trata-se de um programa que explora os cinco sentidos do ser humano para que ele possa desfrutar do solo, da água e das plantas. Essa ação é destinada, principalmente, aos deficientes físicos e visuais, crianças com dificuldade de aprendizagem e idosos.

A ONG ainda busca atuar fora do seu espaço de convívio ao participar de feiras e distribuir materiais informativos.

Essas são apenas algumas mobilizações, dentre muitas, que trabalham ao longo do ano para lembrar que a água é um bem natural esgotável, portanto deve ser preservada e valorizada sempre.

Por Marcia Sousa – Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.