Nesta quarta-feira (22) é comemorado o Dia Mundial da Biodiversidade. Para honrar a data, o Greenpeace lançou uma campanha em prol da proteção amazônica. Através de uma petição on-line, qualquer pessoa pode cobrar o “Desmatamento Zero”.

A necessidade de haver uma grande mobilização em relação a este tema é o fato de que a floresta amazônica é a maior reserva tropical em diversidade de espécie do planeta. No entanto, com o passar dos anos e a ação direta dos seres humanos, boa parte dessa riqueza se perdeu.

De acordo com o Greenpeace, 18% da biodiversidade presente na Amazônia já foi perdida. O estrago é ainda maior quando é considerado o fato de que nem todas as espécies existentes foram catalogadas e algumas delas se perdem antes mesmo de serem estudadas. Entre os animais conhecidos, existem 627 que estão ameaçados de extinção.

A proposta da organização ambiental, em parceria com outras instituições, é conseguir a aprovação da legislação pelo “Desmatamento Zero”. O projeto de lei de iniciativa popular inclui a proibição da derrubada de florestas nativas em todo o mundo. Para que a proposta seja levada à Câmara dos Deputados para análise é necessário conseguir o apoio de 1% do eleitorado nacional, por isso, quanto mais pessoas assinarem a petição, mais perto ela estará de ser encaminhada ao legislativo brasileiro.

Até o momento, a ONG já conseguiu, através de seu site, o apoio de 845.720 pessoas. Clique aqui para assinar a petição e ajudar a proteger a biodiversidade amazônica.

Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.