green mining reciclagem vidro
Foto: Divulgação | Green Mining

A Green Mining alcançou nesse mês de julho a marca de 1 milhão de quilos de vidro coletados e enviados para reciclagem. A startup de logística reversa inteligente faz coletas de garrafas e outras embalagens de vidro em bares, restaurantes, hotéis e condomínios desde o final de 2018.

A startup participou da primeira edição do programa Aceleradora 100+ da Ambev e destina o vidro coletado para a fábrica da cervejaria para reciclagem.

A operação começou em São Paulo, cidade onde atualmente há HUBs em 15 bairros, e foi expandida para Brasília e Rio de Janeiro, chegando ao Flamengo, Laranjeiras, Leblon e Centro. 

Como funciona ?

Os coletores da Green Mining, utilizando triciclos, percorrem os estabelecimentos cadastrados em cada bairro e retornam com o material para o HUB. Quando o HUB atinge sua capacidade, o vidro é enviado diretamente para a fábrica da Ambev para reciclagem.

Um dos pilares mais importantes da iniciativa é contratar formalmente ex-catadores de rua, que são treinados e registrados em carteira de trabalho, com todos os direitos garantidos e equipamentos de proteção. 

“Tem sido uma jornada de muito aprendizado, com patentes depositadas e mais sistemas desenvolvidos. São mil toneladas coletadas e rastreadas de verdade, com monitoramento e, principalmente, respeito à mão de obra do início ao fim da cadeia”, afirma Rodrigo Oliveira, sócio fundador da Green Mining. 

Todo o material é pesado em cada etapa do processo e tudo é registrado no sistema da startup, para garantir a destinação correta de 100% do material. Desta forma, é feito o rastreamento total de origem, trajeto e destino. 

“Ver todo esse crescimento da Green Mining só nos certifica de que estamos na direção certa para a construção de um legado positivo para o nosso ecossistema. Esse marco de 1 milhão de quilos mostra que com parceiras e inovação conseguimos ir muito mais longe!” celebra Rodrigo Figueiredo, vice-presidente de sustentabilidade da Ambev.  

Como participar?

Para que o público em geral possa destinar suas garrafas e embalagens de vidro, a Green Mining também conta com pontos de entrega de vidro em São Paulo, nos bairros do Brooklin, Bela Vista, Pinheiros, Perdizes, Vila Olímpia e Butantã.

Recentemente o Rio de Janeiro também ganhou essa opção, com caçambas inteligentes localizadas no Flamengo, Laranjeiras e Leblon. 

Para mais informações acesse: Mais www.greenmining.com.br