bicicletas para funcionários
Foto: Sandro Barros | Prefeitura de Olinda

O uso da bicicleta, como meio de transporte, cresceu expressivamente e o modal passou a fazer parte da rotina de muitas pessoas no trajeto de ida e volta para o trabalho e, até mesmo, como meio de geração de renda. 

A Tembici em parceria com a CUFA PE (Central Única das Favelas de Pernambuco) está lançando o “Doe 1 Viagem”: um projeto que convida os usuários do Bike Itaú a doarem uma viagem para pessoas em situação de vulnerabilidade social. É possível fazer doações a partir de R$3,40 – equivalente ao valor de uma viagem avulsa no Bike PE.

A cada 4 viagens doadas pelos usuários, a empresa complementará o valor de um plano de aluguel mensal de bicicleta. O plano então será doado para beneficiários da instituição CUFA.

Carolina Rivas, diretora de relacionamento da Tembici, sinaliza que é possível que o projeto “Doe 1 Viagem” seja levado para outros estados. “Facilitar o acesso às nossas bikes é uma forma efetiva de contribuirmos com o que realmente acreditamos. E lançar este projeto em parceria com a CUFA só o torna mais especial. Começamos o piloto em Pernambuco, mas enxergamos potencial para que ele seja estendido para todas as demais praças do Bike Itaú”, afirma. Para ela, o “ciclista tem um papel muito importante na revolução das cidades”. 

aluguel gratuito bike
Foto: Tembici

“Parte da população, que já era bastante vulnerável, foi muito impactada pela crise gerada pela pandemia, por isso, nesse “novo normal”, estamos com a proposta de qualificar e empoderar a população que vive em situação de pobreza e a parceria com a Tembici é extremamente importância para nós e para a população atendida. Estamos entusiasmados com o projeto e esperamos ajudar àqueles que muitas vezes não tem dinheiro para utilizar um meio de transporte, por exemplo”, comenta Altamiza Melo, coordenadora da CUFA Pernambuco.

Além da doação, todos os beneficiários receberão o Manual do Cicilista, material educativo com orientações e dicas de segurança ao pedalar.

A Tembici também reforça que está realizando a limpeza diária com álcool 70%  e cloro diluído em água, ainda no centro de operações. O que não exime os ciclistas de aplicarem álcool em gel nas mãos antes e depois de utilizarem as bicicletas.

Como contribuir 

As doações poderão ser realizadas de duas formas:

  • Acessando a página do projeto por este link.
  • Por meio de uma mensagem que os usuários receberão pelo aplicativo do Bike Itaú, inicialmente enviada aos usuários do BIKE PE.

Outros incentivos

Em parceria com a Prefeitura de Olinda, também em Pernambuco, a Tembici já havia incentivado o uso do modal ao disponibilizar bicicletas a funcionários públicos gratuitamente. A ação, realizada em meio à pandemia, foi voltada a trabalhadores de serviços essenciais, como da área da saúde, transporte e segurança. 

Outro projeto interessante é voltado para desempregados. Chamado de “Bike Pra Entrevista”, a iniciativa oferece aluguel gratuito de bicicletas para entrevistas de emprego. O foco está em garantir transporte individual e seguro em um momento em que o distanciamento social ainda é uma das principais medidas para evitar o contágio.

Magrelas dominando 

Muitos governos ao redor do mundo aproveitaram a pandemia para incentivar caminhadas e a troca do transporte público pelas bicicletas. Neste momento, cidades estão sendo redesenhadas para dar mais espaço para os ciclistas e pedestres. Confira matérias sobre o assunto abaixo:

Bicicleta ganha espaço nas cidades após isolamento social

Ruas de Barcelona vão priorizar ciclistas e pedestres

Londres vai proibir carros no centro e abrir ruas para pedestres e ciclistas

Milão cria plano para priorizar pedestres e ciclistas