Um jornalista apaixonado por ciclismo partiu para a aventura de desbravar o continente africano por quatro meses. Sendo o primeiro brasileiro e representante de um país latino-americano a participar do Tour d’Afrique, em seu retorno, Alexandre Costa Nascimento decidiu contar a experiência no livro “Mais que um Leão por Dia”.

O livro, publicado pela editora Nossa Cultura, mescla informações dos países visitados com as surpresas oferecidas em cada etapa: visuais impressionantes, animais selvagens, desertos, tempestades de areia, calor de 40 graus durante o dia e frio de zero grau na madrugada, pneus furados, quedas, machucados, doenças inesperadas, entre outras situações.

Engajado na adoção do ciclismo como estilo de vida e meio de mobilidade urbana, o jornalista abriu mão da carreira em um jornal paranaense para concretizar o sonho de atravessar o continente africano sobre uma bicicleta. A expedição atrai ciclistas do mundo todo pelo desafio de percorrer 12 mil quilômetros que separam o Cairo, no Egito, da Cidade do Cabo, na África do Sul.

“Esse interesse pelas coisas do mundo e a ânsia de descobrir e explorar novos horizontes – ainda que apenas através dos livros –, mais tarde, teve importância fundamental na minha decisão de ter o jornalismo como profissão. Participar do Tour d´Afrique, portanto, tornou-se o único sonho capaz de aliar três das grandes paixões da minha vida: o jornalismo, as bicicletas e a África”, afirma Nascimento.


Divulgação

Do Cairo à Cidade do Cabo, o ciclista passou por onze países africanos (Egito, Sudão, Etiópia, Quênia, Tanzânia, Malauí, Zâmbia, Zimbábue, Bosuana, Namíbia e África do Sul). Ele partiu em janeiro de 2013 em uma jornada que o fez constatar a sentença que precedia o formulário de inscrição da Tour d’Afrique: Once you go, you’ll never be the same again (Em português, uma vez que você vai, você nunca mais será o mesmo).

A obra prende o leitor pela riqueza de detalhes em um texto leve e atraente dividido em 15 capítulos intensos, recheados de adrenalina e encontros.

As amizades feitas durante o trajeto também são contadas n obra. A caminho de Aswan, no Egito, por exemplo, o jornalista trocou seu veículo por um jumento de um garoto da região durante alguns metros. Já no Sudão, ele opta por trocar o refrigerante por um café preparado por mulheres rufaas mesmo em um dia quente e é cativado pelos sudaneses.

“Enquanto tomamos [o café], fazemos amizade com as crianças, emprestamos nossas bicicletas, tiramos fotos e ganhamos dezenas de sorrisos”.

O livro também oferece ao leitor uma galeria de fotos do acervo pessoal dos participantes da viagem de 2013. Para quem quer conhecer mais essa experiência, há um QR Code impresso em cada capítulo, que direciona para o site da editora Nossa Cultura e disponibiliza um álbum completo das imagens do Tour d’Afrique com músicas típicas de cada país.

Além de ser uma inspiração para sair da zona de conforto, comprando o livro, o leitor também vai ajudar a TDA Foundation, organizadora da expedição Tour d’Afrique, a comprar e distribuir bicicletas ao povo africano.

A obra será lançada no dia 13 de junho, às 14h30, no auditório do Parque das Bicicletas em São Paulo.

Ficha Técnica

Editora Nossa Cultura

Mais que um Leão por Dia

ISBN: 9788580661453

Páginas: 448

Formato: 16×23

Preço: R$ 46,50

Lançamento Mais que um Leão por Dia

Data: 13/06/2015 (sábado)

Horário: a partir das 14h30

Local: Parque das Bicicletas – Auditório

Endereço: Alameda Iraé, 35 esquina com Av. Indianopólis – Bairro Moema – São Paulo – SP

Entrada gratuita.

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.