copo de papel

Muitas cidades pelo mundo começaram, nos últimos anos, a implementar regras para reduzir e/ou banir canudinhos plásticos, mas outro item descartável ainda muito presente em bares, restaurantes e redes de fast-food, sobretudo para serviços de entrega, são as tampas de plástico. Pensando em uma solução ecológica e também eficaz, uma dupla de designers projetou o Unocup: um copo ecológico que dispensa a necessidade de tampas. 

Pequeno e compostável, o copo de papel é ergonômico, dobrável e à prova de derramamento. A estrutura é forte e consistente, não cede sob pressão, ao contrário de muitos dos copos ofertados “para viagem”.

Semelhante a um origami, o copo se dobra para criar uma tampa. A desenvolvedora explica que o bico para a bebida foi projetado para se ajustar aos lábios. “As tampas de plástico tradicionais apresentam uma abertura rígida que não parece natural, enquanto o bico curvo do Unocup conduz sua bebida fluidamente até a boca”. 

As abas do copinho de papel também podem ser dobradas para trás, de forma que o conteúdo pode ser consumido pela borda como um copo normal.

Graças ao design inteligente, proposto pelos designers Tom Chan e Kaanur Papo, em Nova York, o Unocup é muito fácil de dobrar, segurar, abrir, fechar e beber.  

O modelo ainda foi otimizado para produção em massa usando maquinário de fabricação de copos já existentes. O Unocup pode ser adotado pelos estabelecimentos que realizam serviços de entrega e no simples suco ou cafezinho “para viagem”. 

Desde 2015, quando a primeira versão de copo foi apresentada, 800 protótipos foram desenvolvidos. Para chegar ao design final, a dupla recebeu o investimento de 100 mil dólares – oriundos do concurso internacional de design New Plastics Economy Innovation Prize organizado pela Fundação Ellen MacArthur.

Recentemente, o Unocup ganhou o prêmio Innovation by Design da Fast Company, na categoria embalagens.

Leia também:

Com a pandemia, o aumento dos pedidos de entrega, no Brasil e no mundo, aumentou o consumo de itens descartáveis. Uma pesquisa recente revelou que 72% dos brasileiros querem delivery sem plástico descartável.