Dinamarqueses criam centro de convenções com materiais reciclados e biodegradáveis

A empresa dinamarquesa 3XN criou a ‘Green Solution House’, um centro de conferências experimental e hotel, onde tudo é adaptado para a circulação da natureza e onde os hóspedes poderão ter ideia de como é possível viver em um mundo sem resíduos.

A empresa dinamarquesa 3XN criou a 'Green Solution House', um novo centro de conferências experimental e hotel, onde tudo é adaptado para a circulação da natureza e onde os hóspedes poderão ter ideia de como é possível viver em um mundo sem resíduos. A conclusão da obra está prevista para 2013.

As quatro metas do projeto são: ser uma plataforma para o mais alto nível de desenvolvimento sustentável; ser um exemplo de melhoria contínua; mostrar soluções sobre biodiversidade, materiais, energia, água e resíduos e crescer em uma rede local e global para a partilha de conhecimentos.

Localizado na ilha dinamarquesa de Bornholm, a edificação foi projetada e desenvolvida de acordo com os princípios do Cradle 2 Cradle ®. Isto significa que todos os materiais utilizados na construção ou são totalmente recicláveis ​​ou biodegradáveis​​. Assim, o projeto do edifício assume a ambição de eliminar o conceito de resíduos.

O projeto é gerido por Kasper Guldager Jørgensen, chefe da unidade 3XN de inovação, e pela GXN. A indústria da construção sozinha é responsável por 30% de todos os resíduos gerados e, segundo a empresa, os resíduos colocam um enorme fardo sobre o meio ambiente. Mas, com este projeto eles demonstram que este é um problema que pode ser resolvido.

A eliminação do desperdício significa que tudo deve ser parte de uma circulação. Assim, o edifício foi projetado para ser desmontado e construído por materiais recicláveis ​​definidos. A energia solar produz a eletricidade consumida no prédio, a água da chuva coletada é biologicamente tratada e reutilizada. O hotel produz frutas e legumes orgânicos para o restaurante. Além disso, os resíduos gerados dia a dia são reciclados ou compostados.

Para Jørgensen, parte do seu trabalho diário é investigar como o fungo pode ser usado como material de isolamento ou como as algas podem ser utilizadas na triagem solar. Para ele, a construção é um edifício em desenvolvimento contínuo. Será uma construção dinâmica, um showroom que continuará a aumentar, a fim de demonstrar as soluções mais avançadas dentro da construção sustentável, e vai dar aos convidados uma experiência inspiradora e incomum.

A ilha é um destino popular de viagem e as pesquisas feitas entre os organizadores da conferência mostram que o projeto irá atrair ainda mais visitantes para a pequena ilha cênica. Bornholm tem uma visão clara para se tornar uma das comunidades Europeias mais ambiciosas em termos de vida sustentável, e a Green Solution House é o elemento central desta visão.

O edifício será um laboratório inovador, que integra os mais recentes conhecimentos em materiais e tecnologias “verdes” apropriadas. A intenção é ser restaurador em vez de apenas reduzir os danos. A empresa acredita que o design pode tornar o mundo um lugar melhor, se feito com as intenções certas. Na Green House Solutions o objetivo é inspirar os visitantes a serem capazes de contribuir positivamente para as comunidades locais e globais. Com informações do ArchDaily.

Redação CicloVivo