Os arquitetos do escritório holandês Marc Koehler foram os responsáveis pelo projeto de revitalização e transformação de um antigo centro industrial portuário de Amsterdã em um conjunto de apartamentos.

Inicialmente os responsáveis pelo projeto tiveram medo de não alcançar o êxito esperado, mas o resultado mostra um trabalho diferente, inovador e pensado nos mínimos detalhes. O velho prédio deu lugar a quatro apartamentos sustentáveis.

A primeira preocupação era em tornar os ambientes internos adequados para abrigar um lar, mesmo que a estrutura possibilitasse poucas alterações drásticas. Sendo assim, os arquitetos apostaram na abertura de grandes janelas, espalhadas por toda a fachada, por onde os apartamentos são inundados com muita iluminação natural.

O design aplicado é bastante contemporâneo e os moradores podem contar com uma estrutura interna pouco comum, que conta com paredes com pé direito duplo. O espaço é muito aberto, para a circulação da ventilação natural e isso dá um estilo próprio aos apartamentos.

Na parte superior os moradores contam com um “terraço” e espaços que podem ser usados como escritórios, salas de jantar, cozinha e até mesmo um quarto para hóspedes. As paredes são feitas em armários de madeira, que garantem maior flexibilidade aos cômodos e permite que os espaços sejam alterados de acordo com a necessidade dos moradores. Com informações do Inhabitat.

Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.