Em sua 18ª edição, o projeto Sesc Verão deste ano começou com uma série de atividades para incentivar a população paulista a fazer atividades físicas no cotidiano. A programação ocorre nas 32 unidades do Sesc no estado e nos espaços públicos.

São instalações interativas, encontros com atletas, demonstrações de modalidades pouco difundidas e aulas abertas. “Vai começar o ano, o calor. A ideia é aproveitar o momento, trazer um tema e fazer com que as pessoas reflitam sobre isso”, disse uma das coordenadoras do projeto Luciana Itapema.

As atividades como passeios ciclísticos em áreas públicas, segundo Luciana, pretendem fazer com que as pessoas “passem a enxergar esse locais como um espaço viável para práticas esportivas”. Entre esse espaços está a rua de lazer no Sesc Bom Retiro, região central da capital, e a escada piano na estação de trem de Osasco, na região metropolitana de São Paulo.

Existem ainda atividades artísticas. Como a exposição fotográfica Por Todos os Lugares, o Corpo em Movimento, no Sesc Vila Mariana, na zona sul paulistana. São dezenas de imagens registradas por Rafael Pieroni sobre a capital, ampliadas em escala arquitetônica. As fotos apresentam o cidadão usando os espaços da cidade para fazer esportes.

Daniel Mello, da Agência Brasil

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.