Carnes processadas são associadas ao câncer do colorretal

Salsicha, bacon, hambúrguer, presunto, linguiça e outras carnes processadas estão na lista dos perigosos.

Salsicha, bacon, hambúrguer, presunto, linguiça e outras carnes processadas foram classificadas como cancerígenos pela Organização Mundial da Saúde. A informação foi divulgada na última segunda-feira (26) e tem como base 800 estudos feitos nos últimos 20 anos.

Em comunicado da Agência Internacional de Pesquisa do Câncer (IARC) foram informados os riscos do consumo desse tipo de carne: “Especialistas concluíram que, para cada porção de 50 gramas desse tipo de carne consumida todos os dias, o risco de câncer colorretal aumenta em 18%”.

As classificações foram definidas com base em mais de 800 estudos que tratam da associação de cerca de 12 tipos de câncer ao consumo de carne vermelha ou de carne processada em países e populações de dietas variadas. As evidências mais fortes, segundo a IARC, vieram de um grupo de estudo conduzido nos últimos 20 anos.

A agência ainda alerta para o consumo limitado de carnes entre os seres humanos, considerando que este alimento tem algo valor nutricional.

Por Redação CicloVivo e Agência Brasil