onde reciclar vidro
Foto: Marcia Sousa
- Publicidade -

Mais de 35 toneladas de resíduos de vidro na cidade de São Paulo já foram coletados pelo “Tem vidro usado para ser reciclado? Resolve no Minuto”. Iniciado em 2020, o projeto que estimula o descarte correto de embalagens de vidro pós-consumo está sendo ampliado e vai abranger 53 unidades do Minuto Pão de Açúcar na capital paulista. 

A iniciativa é uma parceria entre a startup Green Mining, a Ambev e o GPA, detentor da rede Minuto Pão de Açúcar. Agora, o serviço também se expande com a disponibilidade de pontos de coleta exclusivos para o descarte de garrafas plásticas (PET) em 6 lojas da rede, podendo ser garrafas de refrigerante, água e outras embalagens identificadas com o símbolo do plástico tipo 1, desde que estejam limpas e secas.

Coletores da Green Mining, contratados e capacitados, recebem no celular um mapa roteirizado dos locais onde devem buscar as embalagens. Chegando no estabelecimento, é feita a primeira pesagem dos resíduos que são registrados, junto com sua foto, no sistema, por meio de tecnologia blockchain, garantindo que a embalagem coletada seja, de fato, do pós-consumo. Depois, o material é levado até um ponto de concentração (Hub) e, quando atinge um determinado volume, tanto o PET quanto o vidro são encaminhados para reciclagem em empresas parceiras AMBEV e retornam para a cadeia em forma de conteúdo reciclado nas embalagens.
O Brasil ainda recicla muito pouco, cerca de 5,3% do potencial, segundo dados do Ministério do Meio Ambiente. A disponibilidade e acessibilidade da população aos Pontos de Entrega Voluntária são fundamentais para mudar esta realidade.

- Publicidade -

De acordo com Rodrigo Oliveira, presidente da startup, a logística reversa tem espaço para muitas soluções dentro e fora do país e a expansão desse projeto mostra o quanto a cooperação e a evolução tecnológica são aliadas do meio ambiente. “A tecnologia utilizada para proporcionar eficiência em iniciativas sustentáveis permite que ações concretas e contínuas sejam implantadas e multiplicadas. A terceira expansão deste projeto e o início da coleta de embalagens PET é um importante reconhecimento às empresas que encaram o desafio de fazer logística reversa de verdade”, afirma o executivo.

Para a Gerente de Sustentabilidade da Ambev, Nayara Baccan Pereira, “apostamos e investimos em logística reversa em diversas frentes, sempre buscando trazer facilidade ao consumidor para incluí-los nesta jornada. Temos compromissos voltados para embalagem circular para serem atingidos até 2025, além de metas focadas em ação climática, gestão da água e agricultura sustentável. Inovação, atitudes coletivas e parcerias com o ecossistema, como a expansão de mais essa iniciativa ao lado da Green Mining e GPA, reforçam a nossa certeza de que o engajamento de todos pode nos levar a um futuro mais sustentável”.

“Estamos muito orgulhosos de anunciar junto à Green Mining e Ambev a expansão dos pontos de coleta de vidro para 92% do parque de lojas do Minuto Pão de Açúcar em São Paulo, e iniciar o projeto piloto de coleta de embalagens PET em seis de nossas lojas”, diz Paulo Epaminondas, diretor de Operações de Negócios Especializados do GPA. “Iniciativas como estas estimulam um consumo mais consciente, além de facilitar e incentivar nossos clientes a adotarem atitudes mais sustentáveis”, completa.

O projeto “Tem vidro usado para ser reciclado? Resolve no Minuto” começou com apenas seis lojas participantes, expandiu para 23 unidades no fim de 2020 e, agora, anuncia a ampliação para todas as regiões da cidade, chegando em 53 lojas do Minuto Pão de Açúcar. O projeto está em linha com a estratégia de sustentabilidade do GPA, que tem como compromisso o combate às mudanças climáticas e o incentivo a economia circular.

Leia também:

6 dicas para separar o vidro para reciclagem

Lista colaborativa online reúne pontos para descarte de vidro

Saiba onde descartar garrafas de vidro em São Paulo

- Publicidade -