Obama quer EUA sustentável e líder em energias renováveis

O presidente dos EUA, Barack Obama, disse que o combate às mudanças climáticas é a prioridade de seu segundo mandato. Dentre as ações anunciadas, o representante quer reduzir as emissões de carbono e tornar o país líder em energia renovável.

Em seu discurso de posse, Obama anunciou uma série de medidas que o país deve adotar para promover um desenvolvimento mais sustentável. Depois de um ano sob a influência de vários eventos climáticos extremos, o líder pretende fortalecer a economia estadunidense sem causar grandes danos ao meio ambiente.

"Vamos reagir à ameaça da mudança climática, sabendo que o fracasso em fazê-lo seria uma traição aos nossos filhos e às futuras gerações", alertou o líder norte-americano, que foi aclamado por ambientalistas durante seu discurso.

Obama ainda tem a ambição de fazer com que o país se torne líder em energia renovável, não só pelo crescimento econômico, mas também porque considera o assunto uma questão de segurança nacional. "Não podemos ceder a outras nações a tecnologia que irá alimentar novos empregos e novas indústrias”, afirmou.. 

Muitas das metas de combate às mudanças climáticas anunciadas no primeiro mandato de Obama ficaram estacionadas no Congresso, como, por exemplo, o plano de redução de emissão de gases poluentes. No mandato anterior, o presidente dos EUA obteve sucesso apenas quando pressionou a indústria automobilística, para que os carros passassem a ser menos poluentes no futuro.

De maneira geral, Obama surpreendeu os norte-americanos, já que o desenvolvimento sustentável não foi um tema abordado durante toda a campanha eleitoral. O discurso durou cerca de 20 minutos, e o presidente dos EUA também disse que seu governo dará mais atenção ao controle de armas e à reforma da imigração. Com informações do The New York Times.

Redação CicloVivo