- Publicidade -

A sexta cidade mais populosa da Inglaterra, Bristol destaca-se por suas criativas invenções. A mais recente delas é um veículo coletivo que utiliza fezes, urina e lixo orgânico para se locomover.

O ônibus possui 40 lugares e roda até 300 quilômetros com o biocombustível cheio de gás biometano. Ele já está circulando nas ruas da cidade, ligando o aeroporto de Bristol e o centro da cidade de Bath.

Batizado de Bio-Bus, o coletivo foi inaugurado na última quinta-feira (20). A intenção é transportar cerca de 10 mil pessoas neste mês de experimentação, segundo a Bath Bus Company, empresa que opera o serviço.

- Publicidade -

O gás é gerado por meio do tratamento de esgotos e resíduos de alimentos impróprios para consumo humano. Para que possa operar, o dióxido de carbono e outras impurezas são retiradas, a fim de que o gás fique livre de odores.

Esse combustível deve ajudar a melhorar a qualidade do ar, uma vez que produz menos emissões do que os tradicionais. Por isso, a intenção é que essa alternativa sustentável seja usada para abastecer os transportes públicos da cidade.

Entre as descobertas interessantes vindas da mesma cidade está a utilização de urina como fonte de energia para carregar celulares. O método foi desenvolvido por cientistas britânicos em parceria com a Universidade de Bristol. A cidade também já usou um toboágua como “meio de transporte” em sua principal rua, Park Street, veja aqui.

Redação CicloVivo

- Publicidade -