- Publicidade -

O designer britânico Patrick Hyland criou um conceito de celular que pode ser carregado pelo calor do bolso. O modelo foi desenvolvido para a gigante finlandesa de telecomunicações, Nokia.

Através de um gerador térmico, que converte o calor de qualquer fonte em energia elétrica, o usuário pode recarregar o celular com o calor do próprio corpo, estando o celular no bolso ou mesmo nas mãos. O aparelho também pode ser colocado sobre algum material que gere calor.

A capa do celular é feita de cobre e possui relevo dissipador de calor em forma de terra seca. A criação foi chamada de E-Cu, sendo “E” para environment (meio ambiente) e “Cu” por ser o símbolo do cobre, e elimina totalmente a necessidade de um carregador.

- Publicidade -

Anualmente, chegam a ser descartadas 51 mil toneladas de celulares. Além de serem resíduos tóxicos, que podem contaminar o solo e a água, é preciso considerar a quantidade de gases de efeito estufa dissipados durante o processo de produção dos aparelhos. Outro ponto a ser considerado é a quantidade de energia usada normalmente para recarregá-los.

Por se tratar de um conceito, o modelo ainda não está à venda. Mas, a ideia possui muito potencial, já que as preocupações com o aquecimento global estão em evidência e para diminuir esse problema, todas as sugestões são bem-vindas.

- Publicidade -