A brasileira Lorrana Scarpione com apenas 24 anos lançou uma ferramenta inovadora que facilita a troca de conhecimento. Os usuários podem ensinar o que sabem e aprender coisas novas sem ter que desembolsar dinheiro por isso.

Nesse sistema, o tempo é a moeda de troca. Se uma pessoa sabe tocar violão, por exemplo, ela pode oferecer uma aula de uma hora. Em troca, ela recebe uma moeda chamada de TimeMoney em que pode trocar por uma habilidade que outro ofereça. É possível haver uma troca de ensino e aprendizagem entre duas pessoas – mas não necessariamente precisa ser assim, como mostra o vídeo abaixo.

A rede acredita no poder da economia colaborativa e foi isso que levou a ganhar reconhecimento nacional e internacional. A ideia ganhou apoio do projeto Sirius, um programa do governo britânico de aceleração de startup. Para fazer a ideia engrenar, Lorrana e parte de sua equipe está morando na Escócia, onde recebem ajuda de mentores e uma bolsa de 50 mil libras.

Para que dê retorno financeiro aos desenvolvedores, a equipe está desenvolvendo uma plataforma personalizada para empresas. A ideia é que elas possam proporcionar boas experiências a seus funcionários pagando uma mensalidade. Haverá também um sistema de “Troca de Pontos”, que será oferecido a cafeterias, museus e bares – eles cobram um retorno mensal para recomendar que os usuários troquem suas experiências nesses locais. Além disso, está em desenvolvimento a ideia de oferecer uma versão paga para universidades. Tudo isso é para tornar sustentável o modelo de negócio proposto pela Bliive, uma vez que hoje qualquer pessoa pode se cadastrar e participar gratuitamente.

Com esse projeto, Lorrana entrou para a lista dos dez brasileiros mais inovadores com menos de 35 anos da revista de tecnologia do Massachusetts Institute of Technology (MIT).

Lançada em 2013, a rede social colaborativa possui cerca de 40 mil usuários, com pessoas de mais de 90 países, sendo que a maior parte mora em São Paulo. Tá procurando companhia para ir ao Karaokê? Ou quem sabe esteja precisando de dicas sobre concurso público? Confira aqui, todas as experiências oferecidas.

Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.