A Nissan do Brasil entregou oficialmente nesta quarta-feira (21) à Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro duas unidades do Leaf, primeiro veículo 100% elétrico produzido em série no mundo.

Devidamente caracterizados com a identidade visual da frota da corporação, os carros serão utilizados pelo Batalhão de Policiamento de Áreas Turísticas (BPTur) no patrulhamento dos principais pontos turísticos da cidade, dentro do programa de sustentabilidade da corporação. Inicialmente, a parceria terá duração de três meses.

Os dois veículos da PM-RJ ficarão na sede da BPTur, na rua Figueiredo de Magalhães, em Copacabana. A recarga das baterias, que fornece autonomia de até 160 km ao veículo, poderá ser feita na própria sede do Batalhão ou no posto BR da Lagoa Rodrigo de Freitas.

Atualmente existem 35 unidades de Nissan Leaf rodando pelo Brasil, cedidos em comodato para programas que avaliam a viabilidade de se ter veículos puramente elétricos por aqui e qual seria a infraestrutura necessária. Em 2012, a Nissan iniciou o projeto-piloto com a Prefeitura de São Paulo, AES Eletropaulo e Adetaxi, associação de empresas de táxi da capital paulista, cedendo dez unidades do veículo transformados em veículos de praça.

Em março, o mesmo modelo de programa foi levado à cidade do Rio de Janeiro, em uma parceria com a Prefeitura e a BR Distribuidora. Serão 15 unidades do Leaf, também como táxis, com dois já rodando desde o lançamento da iniciativa. Desde o lançamento comercial, em dezembro de 2010, a Nissan vendeu mais de setenta mil unidades do carro em todo o mundo.

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.