No mesmo ano em que completa seus 40 anos, marcado por uma série de celebrações e relançamentos de modelos clássicos, a marca Melissa inicia a comunicação sobre sua jornada sustentável.

Nesta terça-feira (15/10), dia do Consumo Consciente, todas as mais de 300 lojas, bem como a Galeria em São Paulo, estarão sem produtos para venda. Por outro lado, estão abertas e disponibilizando pontos de coleta para quem quiser descartar corretamente os pares que estão sem mais nenhuma opção de uso, reuso (doação) e troca.

Como a Melissa é 100% reciclável, a marca garante que todos os calçados descartados terão um destino adequado.

Além das vitrines vazias, todas as lojas da marca estampam a frase: “Pause. Por uma jornada sempre mais sustentável”. A iniciativa, além de endossar os pilares de consumo responsável da marca, tem como objetivo comunicar aos consumidores que o plástico da Melissa pode fechar seu ciclo produtivo por meio de processos de reciclagem. Com os pares acolhidos no dia 15 de outubro, a marca irá, em 2020, produzir um dos clássicos da marca, a Melissa Flox, em versão 100% reciclada.

Outras ações

Esta ação faz parte dos três pilares criados para sua jornada sustentável: acolhimento dos calçados, educação sobre sustentabilidade e diversidade.

O dia 15/10 é apenas o primeiro de uma série de iniciativas da agenda positiva que a marca tomará a partir de 2019. Todas elas carregarão importantes mensagens a respeito da educação sobre sustentabilidade e diversidade, mostrando de que forma pode-se fazer a diferença e quais atitudes contribuem para o desenvolvimento de ações mais sustentáveis.

O plástico da Melissa é 100% reciclável, vegano, pode ser reutilizado inúmeras vezes e contém material de origem renovável em sua composição.