Os moradores da cidade gaúcha de Bento Gonçalves criaram o projeto “Ciclovia Vale dos Vinhedos”, que pede a faixa exclusiva para bicicletas em um trecho da rodovia RS/444. O objetivo é reforçar a segurança nas pistas, aumentando o número de pessoas que usam as bikes para se locomover na região, mundialmente conhecida pela produção de vinhos.

A insegurança de quem circula pelo trecho da rodovia RS/444, que passa por Bento Gonçalves, é o principal motivo das reivindicações realizadas pelo projeto “Ciclovia Vale dos Vinhedos”. De acordo com os organizadores do movimento, a ausência de infraestrutura preocupa não somente os ciclistas, como também motoristas e pedestres que passam pelo local.

Apesar de ser uma rodovia estadual, o trecho da RS/444 que atravessa Bento Gonçalves não conta com recuo, afastamento, iluminação, passeio e nem áreas de escape. Além disso, é cada vez maior o número de veículos na região, que foi escolhida pela FIFA para abrigar algumas delegações esportivas durante a Copa do Mundo de 2014.

O Vale dos Vinhedos é um dos principais destinos de enoturismo do mundo, por isso, o projeto de implantação da ciclovia recebeu apoio de empresas produtoras de vinhos locais. De acordo com os proprietários das vinícolas, as melhorias no trecho vão fortalecer o turismo e a atividade de produção de vinhos da região.

O projeto “Ciclovia Vale dos Vinhedos” foi elaborado pela equipe técnica do 2º Distrito Operacional do DAER – Bento Gonçalves/RS, e, posteriormente, enviado ao Governo do Rio Grande do Sul. Atualmente, o projeto está na fase de abaixo-assinado. Clique aqui para assinar a petição, que reivindica melhorias de mobilidade no Vale dos Vinhedos.

Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.