Desafios, aventuras e descobertas: essa é a combinação esperada pelas crianças com a chegada das férias escolares do meio do ano. Para turbinar esse momento, o programa Criança e Natureza, do Instituto Alana, lança, gratuitamente, o guia “Acampando com Crianças: acampar é viver uma aventura, tendo apenas a natureza e uns aos outros“. Desafios, aventuras e descobertas: essa é a combinação esperada pelas crianças com a chegada das férias escolares do meio do ano. Para turbinar esse momento, o programa Criança e Natureza, do Instituto Alana, lança, gratuitamente, o guia “Acampando com Crianças: acampar é viver uma aventura, tendo apenas a natureza e uns aos outros”.

A data coincide com o início da campanha #umdianoparque, uma iniciativa voltada para a promoção, conhecimento e valorização das Unidades de Conservação brasileiras. A publicação tem o apoio da Coalizão Pró-Unidades de Conservação da Natureza, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), MaCamp e Outward Bound Brasil.

O guia tem como objetivo incentivar famílias a experimentarem uma maneira pouco frequente de incluir natureza na vida das crianças brasileiras, que é acampar em áreas naturais protegidas, como as Unidades de Conservação. Estudos recentes apontam que o contato diário com a natureza, especialmente por meio do livre brincar, ajudam na promoção da saúde física, mental e no desenvolvimento de habilidades cognitivas, sociais, motoras e emocionais das crianças. A publicação também ressalta a importância do desemparedamento da infância, para que meninos e meninas possam crescer saudáveis e desenvolver um vínculo afetivo com o mundo natural.

“Acampar em família é uma experiência transformadora, não só para as crianças, mas para os adultos também. São momentos que ressignificam os nossos valores, que a nossa memória registra e certamente não esquece. As crianças aprendem a reconhecer suas possibilidades e limites, exercitando a autonomia e lidando com riscos. O Brasil é um país com muito potencial para a atividade de camping em áreas naturais, com clima propício e lugares incríveis, como parques nacionais”, destaca Laís Fleury, coordenadora do programa Criança e Natureza.

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.