Caminhões e ônibus que emitem fumaça preta podem ser apreendidos

Uma boa notícia para a população das grandes metrópoles brasileiras. A partir do dia 1º de setembro entra em vigor a resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) que obriga os caminhões e ônibus a diesel a reduzir a poluição ambiental provocada pela chamada “fumaça preta”, sob o risco de pesadas multas e apreensão dos veículos.

A medida atinge principalmente os caminhões antigos (com fabricação anterior a 2005) e trará grandes benefícios às populações das maiores cidades do país. Milhares de pessoas morrem anualmente em função de doenças causadas pela poluição nas grandes cidades.

Prevista inicialmente para vigorar no início de junho, a resolução 427/2012 do Contran foi adiada devido à falta de condições de fiscalização pelos órgãos municipais responsáveis. Esse adiamento e nova data para entrada em vigor constam da resolução 440/2013.  Segundo Carlos Bocuhy, presidente do Instituto Brasileiro de Proteção Ambiental (Proam) e conselheiro titular no Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama), “chegou o momento de o Brasil transformar em realidade a proteção da saúde humana, especialmente nas grandes cidades, onde milhões de pessoas sofrem os efeitos da poluição do ar e milhares perdem suas vidas”.