A energia renovável é uma das soluções para enfrentarmos as mudanças climáticas que ameaçam o planeta. Carros elétricos, usinas eólicas, painéis solares e outras alternativas estão ganhando espaço. E, entre estas tecnologia, estão persianas que transformam um metro quadrado de janela em 100W por hora – o suficiente para carregar alguns aparelhos de uso eletrônico.

A tecnologia foi criada pela empresa espanhola SolarGaps. Além de gerar energia elétrica, as persianas são inteligentes e se ajustam à incidência dos raios solares, para captar a luz e também garantir sombra para o interior da casa ou escritório – ajudando a diminuir a temperatura e o uso do ar condicionado.

A estimativa da empresa é que a conta de energia elétrica caia em até 30% com a instalação das persianas. Os dispositivos da persiana são todos carregados com a energia que a própria instalação gera. Além disso, o sistema oferece conexão para os mais diversos aparelhos, que passam a usar energia solar para o seu funcionamento.

Como funciona

O sistema está conectado a uma rede elétrica por um inversor, um dispositivo que transforma a corrente contínua em corrente alternada, compatível com a maioria das redes elétricas do mundo. Com a instalação e conexão das persianas, a energia solar entra na rede e passa a substituir a energia elétrica fornecida pela distribuidora.

Segundo o fabricante, o fornecimento de energia acontece em diferentes temperaturas, que podem variar de -20ºC a 60ºC, e o produto tem garantia de 2 anos com o prazo mínimo de serviço é de 10 anos.

“A ideia de combinar painéis solares e persianas chegou quando vi girassóis se movimentando para captar a luz do sol. Com este mecanismo, quero oferecer às pessoas a chance de contribuir com um modo de vida mais sustentável”, explica Yevgen Erik, CEO de SolarGaps.