Vereador do PV será responsável pela Secretaria do Verde e Meio Ambiente da cidade de São Paulo. O convite ao partido foi feito pelo prefeito eleito Fernando Haddad (PT). O primeiro nome indicado ao cargo era o de Roberto Tripoli (PV) que declinou. Assim a vaga foi ocupada por Ricardo Teixeira, do mesmo partido.

A decisão foi anunciada na última terça-feira (1) após reunião entre os integrantes do PV. Na ocasião ficou definido que a decisão final sobre o cargo ficaria por conta do próprio vereador Teixeira.

Um dos assuntos mais debatidos e que geraram a maior polêmica diz respeito à promessa pré-eleitoral de Haddad de acabar com a inspeção veicular. A medida é atualmente obrigatória na capital paulista e tem como objetivo reduzir as emissões de gases de efeito estufa provenientes dos automóveis.

Este também foi o principal motivador para a rejeição de Tripoli ao cargo. Teixeira informou que ele e o partido são radicalmente a favor da continuação da inspeção veicular, mas garante que permanecerá na função adquirida mesmo que as normas atuais sejam alteradas.

A cerimônia de posse do novo prefeito foi realizada na última terça-feira (1), na Câmara Municipal de São Paulo. Junto com o prefeito foram empossados 55 vereadores e anunciados os cinco secretários que integrarão sua equipe de governo.

Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.