- Publicidade -

Os anúncios em cartazes gigantes são comuns em quase todas as cidades do mundo. Existem até ruas famosas internacionalmente por seus anúncios luminosos. Mas, uma cidade francesa tem ido na contramão desta cultura publicitária.

Desde 2014, por iniciativa do prefeito Éric Piolle, a cidade francesa de Grenoble extinguiu o uso de outdoors. Ele foi ainda mais longe, colocando árvores nos lugares antes ocupados pelas propagandas.

A ideia por trás desta política pública é humanizar as cidades, deixando de incentivar o consumismo para promover a preservação ambiental e o contato das pessoas com a natureza. A troca das propagandas por árvores tende a levar a população a basear seus gostos, vontade e atividades em outras coisas, que não, exclusivamente, a compra.

- Publicidade -
Foto: Prefeitura de Glenoble
Foto: Prefeitura de Glenoble

Esta não é a única medida ambientalmente correta aplicada por Piolle, o primeiro prefeito de uma cidade francesa eleito pelo Partido Verde. As políticas sustentáveis ainda incluem o incentivo ao compartilhamento de automóveis, merenda orgânica nas escolas e a priorização dos pedestres e ciclistas nas vias públicas. O intuito das propostas é mudar a forma como a população interage com a natureza e com a própria cidade em que estão inseridas.

Foto: Prefeitura de Glenoble
Foto: Prefeitura de Glenoble

Quando indagado sobre a questão das propagandas em outdoors, Piolle respondeu: “Nós precisamos colocar um fim no hiper-consumismo, onde cidadãos são vistos não mais como pessoas e sim como consumidores”.

Redação CicloVivo

- Publicidade -