O entorno do Terminal Central da cidade de Campinas, em São Paulo, recebeu sinalizadores de rua pintados com tinta à base de água e que dispensa o uso de solventes.

A tinta está em fase de testes pela Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec). Foram pintadas faixas de sinalização horizontais como faixas de pedestre, de retenção e linha de bordo.

De acordo com a empresa, há diversas vantagens em utilizá-la. O material é mais eficiente, em relação às tintas tradicionais, não agride a saúde do trabalhador, não é inflamável e ainda tem um custo menor.

O diretor de Operações da Emdec, Edson Cunha, afirmou que o objetivo é oferecer melhores condições de trabalho e reduzir os custos. Ele também pretende elaborar um estudo de viabilidade já para a próxima licitação.

A secagem do produto é rápida. Após a aplicação da tinta, o trânsito pode ser liberado em apenas 20 minutos. Por isso, é recomendado utilizá-la em vias que necessitem de rápida liberação de tráfego. Com informações do Portal de Paulínia e Prefeitura Municipal de Campinas.

Redação CicloVivo

 

 

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.