Em meio à atual crise hídrica e energética pela qual o Brasil passa, as fontes renováveis ganham cada vez mais espaço em debates e investimentos. Além das usinas de energia solar e eólica, o pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), José Dilcio Rocha, acredita que a biomassa tem enorme potencial entre as matrizes nacionais.

A biomassa é uma fonte de energia renovável produzida a partir de resíduos agrícolas e florestais. O material pode ser transformado em calor, energia elétrica e também em biocombustíveis sólidos, como os briquetes e péletes, por exemplo, que substituem a lenha.

De acordo com o pesquisador, as principais matérias-primas para a produção deste produto são: serragem, casca de arroz, sabugo e palha de milho, palha e bagaço de cana-de-açúcar, casca de algodão, cascas e caroços de palmáceas, folhas e troncos de podas de árvores.

Sendo o Brasil um dos principais produtores agrícolas do mundo, o potencial nacional para a biomassa se torna muito grande. Segundo o especialista, somente a produção de briquetes, que substituem a lenha, cresce 4,4% ao ano. Atualmente o país produz 1,2 milhão de toneladas do material ao ano, sendo 272 mil toneladas proveniente de resíduos agrícolas e as 930 mil toneladas restantes advindas da madeira.

Os briquetes possuem diâmetro superior a 50 mm e substituem a lenha em muitas aplicações. Em residências eles podem ser usados na lareira e churrasqueira, em hotéis e indústrias ele pode ser usado em caldeiras e nos mais diversos mais diversos estabelecimentos comerciais, como: olarias, padarias, pizzarias, laticínios, indústria química, têxtil, cerâmica, cimento, entre outras.

Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.