Usar móveis antigos é uma opção que está em alta na decoração de ambientes internos. Eles não precisam necessariamente manter todos os aspectos originais. Uma boa dica é personalizá-los com novas estampas ou pinturas.

Para as poltronas antigas, a maneira mais simples de dar um toque contemporâneo é trocando o estofado velho por modelos mais alegres. Este é um trabalho que demanda habilidades específicas, por isso o ideal é levar em alguém especialista nisso.

Mas, para o restante dos móveis, não é necessário ter experiência para alcançar grandes resultados. Armários antigos, mesas ou cadeiras de madeira podem ser pintados com desenhos diferentes mesmo pelas mãos de quem não é artista.

A sugestão do CicloVivo é pintá-las com formas triangulares. Para isso, é preciso seguir as dicas do site norte-americano “Apartment Therapy”. Os materiais necessários são: lixa, esponja (cortada em formato triangular), tesoura, tinta para madeira, pincéis e verniz.

Se os móveis estiverem muito desgastados, envernizados ou já terem sido pintados alguma vez, primeiro é necessário lixá-los para que a tinta nova possa aderir melhor. Feito isso, coloque um pouco de tinta em um recipiente raso e use a esponja como carimbo, para marcar os pontos a serem pintados na mobília. Para deixar o trabalho melhor acabado, é possível pintar os triângulos à mão, por cima das marcações, ou deixá-los somente carimbados, isso depende do gosto de cada um.

Depois que a tinta secar, passe o verniz para prolongar a durabilidade da arte no móvel. Esta mesma técnica pode ser aplicada em diferentes formas, móveis e superfícies, basta usar a criatividade.

Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.