Nos últimos anos os celulares vêm cumprindo funções que vão muito além de um ligar ou receber chamadas. É com esse eletrônico, cada vez mais completo, que cientistas estão diagnosticando vermes intestinais na área rural da Tanzânia, na África.

A técnica, que usou apenas um celular e a lente de uma câmera, pode ser utilizada para ajudar os médicos a tratar pacientes infectados com parasitas. Um estudo mostrou que é possível fazer microscópio de campo de baixo custo com apenas um iPhone, uma fita adesiva dupla face, uma lanterna, placas de laboratório comuns e uma lente de câmera de oito dólares.

Foi com essa combinação improvisada que os cientistas determinaram a presença de ovos de ancilóstomo e outros parasitas nas fezes de crianças.

"Tem havido muito improviso no laboratório com microscópios feitos com telefone celular, mas esta é a primeira vez que a tecnologia foi usada em campo para diagnosticar parasitas intestinais", afirmou Isaac Bogoch, médico especializado em doenças infecciosas do Hospital Geral de Toronto, principal autor do estudo.

Uma das vantagens da descoberta é o investimento. Devido ao custo de um microscópio convencional, de cerca de US$ 200,00, as doenças ocasionadas por parasitas podem ser difíceis de serem diagnosticadas.

Foram avaliadas 200 amostras de fezes de crianças de áreas rurais infectadas com vermes intestinais com os celulares. Embora não seja tão sensível quanto o aparelho tradicional, o microscópio de iPhone detectou a presença de ovos depositados por vermes em cerca de 70% das amostras infectadas.

"Nós pensamos que os microscópios de celulares podem, em breve, se tornar uma ferramenta de diagnóstico valiosa em regiões pobres e remotas, onde os vermes intestinais são um problema de saúde sério, particularmente para as crianças", afirmou o médico.

A ideia é aperfeiçoar a técnica para tornar o dispositivo celular mais sensível. Bogoch ainda ressalta que na equipe médica, quase todos os cientistas possuem um celular e o custo para adaptar um iPhone é muito menor do que um microscópio convencional.

Os vermes intestinais podem causar muitos problemas de saúde em crianças pequenas, como retardar o seu desenvolvimento físico e mental, por outro lado quando diagnosticados rapidamente, os impactos negativos podem ser reduzidos. Com informações da Info.

Redação CicloVivo

 

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.