A WiseWaste e a Escola de Engenharia de Materiais da Universidade Presbiteriana Mackenzie assinam, na próxima sexta-feira (26), um convênio que permitirá a troca tecnológica  entre as duas instituições, a fim de inovar na pesquisa e desenvolvimento de novos materiais a partir de resíduos e novos processos de reaproveitamento de materiais.

A empresa de desenvolvimento de produtos utiliza resíduos como matéria-prima e realiza pesquisas para encontrar soluções para o reaproveitamento de materiais que ainda não têm o seu processo de reciclagem conhecidos.

Algumas soluções já desenvolvidas pela WiseWaste são a transformação de embalagens de polipropileno em displays  usados em pontos de venda; o desenvolvimento do processo de reciclagem de filmes com multicamadas, como os utilizados nas embalagens de suco em pó; e a criação de um polímero com fibra de candeia residual, que antes era queimada ou destinada em aterros sanitários.

O convênio com a Escola de Engenharia de Materiais do Mackenzie permitirá o desenvolvimento de novos materiais a partir de resíduos que ainda não têm o seu processo de reciclagem estabelecido realizados pela WiseWaste. A parceria ainda possibilitará que os cientistas e estudantes vivenciem o cotidiano e o dinamismo do mercado. 

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.