No final da última semana, a agência de publicidade DM9Sul e o cliente Ecobenefícios foram surpreendidos com o alto número de compartilhamentos espontâneos da campanha "Prato Consciente" no Facebook. Em sete dias o vídeo obteve mais de 390 mil compartilhamentos na rede social, a partir do post de um internauta português, o que fez com que a campanha alcançasse visualizações em países como Portugal e Espanha, além de programas de TV no Brasil. E o número não para de crescer. Por dia a média de compartilhamentos da campanha tem passado de 50 mil.

O trabalho lançado no Dia Mundial da Alimentação (outubro de 2012) foi finalista em importantes festivais internacionais de criatividade. A campanha tinha como objetivo alertar a população sobre o descarte exagerado de comida.

O Brasil é o 4º maior produtor de alimentos do mundo, mas desperdiça 39 toneladas de comida por dia, cerca de 20% das sobras de comida vão para o lixo. Isso alimentaria 19 milhões de brasileiros.

Mais do que uma campanha, a DM9Sul criou um prato com tamanho 20% menor do que um prato normal, mesma porcentagem de comida desperdiçada diariamente no Brasil. A ideia foi colocada em prática em restaurantes e refeitórios e o prato de tamanho reduzido tomou o lugar dos modelos tradicionais no almoço e jantar. A reação de surpresa e espanto das pessoas foi documentada e pode ser vista no seguinte link:

Para finalizar a ação, a Ecobenefícios enviou uma caixa contendo o prato para os setores de Recursos Humanos de 200 empresas em todo o país e também para jornalistas, formadores de opinião e chefs de cozinha, chamando-os a levar adiante a iniciativa.

Na época do lançamento da campanha, o CEO da DM9Sul Márcio Callage comentou o trabalho e afirmou que com o registro em vídeo seria possível impactar um número ainda maior de pessoas através da internet. Sua previsão hoje se mostra correta e o resultado de um trabalho tão impactante foi a procura de organizações e empresas multinacionais pelo modelo de prato criado pela DM9Sul, para que fosse usado em seus refeitórios, além de mais informações sobre o consumo consciente.

Fonte: AdNews

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.