Político holandês quer adotar campanha brasileira “Xixi no Banho”

Uma iniciativa ecológica brasileira está inspirando ações em outros países. Trata-se da campanha “Xixi no Banho”, que atraiu a atenção de um vereador da província de Drenthe, na Holanda.

O político Bert Wassink está convidando a população holandesa a também fazer xixi no chuveiro como forma de economizar água e dinheiro. Lançada em 2009, a campanha da Fundação SOS Mata Atlântica, com criação assinada pela agência F/Nazca Saatchi & Saatchi.

É uma proposta divertida que mostra que mais de quatro mil litros de água podem ser economizados anualmente, se as pessoas fizerem xixi durante o banho.

Com muita repercussão e sucesso na mídia, a ação conquistou prêmios importantes. Entre eles, um Leão de Prata no Festival Internacional de Publicidade de Cannes 2010 na categoria mais cobiçada, a Titanium Lions, que premia ideias inovadoras.

O vídeo “Xixi no Banho” mostra que cada descarga na privada consome de 12 a 20 litros de água. Se uma pessoa fizer xixi no banho uma vez por dia, vai gerar, ao longo de um ano, uma economia superior a 4.300 litros.

A ação também aponta que a descarga é um dos maiores vilões do aquecimento global. Calcula-se que 80% da água consumida diariamente por um morador do sudeste brasileiro escoe pelo ralo do banheiro.

Caso ainda não conheça o projeto veja o site desenvolvido para esclarecer a importância da iniciativa. O espaço ainda sugere outras ações que podem ser adotadas, além de mostrar os projetos da SOS Mata Atlântica.

Assista ao vídeo abaixo da peça publicitária:

Com informações do SOS Mata Atlântica.

Redação CicloVivo