O Food Truck sustentável é uma iniciativa da rede para incentivar a alimentação saudável. Ele será usado para interação com os clientes através de aulas gratuitas de gastronomia. O caminhão funcionará até o dia 18 de março nos estacionamentos de algumas lojas da rede em São Paulo.

O primeiro local a receber a ação foi a loja do Tatuapé, onde mais de 250 pessoas, entre funcionários e clientes, aprenderam receitas saudáveis.

A estrutura, que segue um modelo cada vez mais popular no Brasil e no mundo, tem diversos diferenciais. O veículo adaptado para funcionar como uma cozinha recebeu soluções sustentáveis para reduzir seu impacto ambiental. Sistemas de geração de energia solar e eólica e captação da água da chuva para reutilização são alguns dos exemplos aplicados no caminhão.


Imagem: Divulgação/Pão de Açúcar

O Food Truck também foi convertido para funcionar com biodiesel e recebe óleo de cozinha usado para materializar esta transformação. O veículo ainda ganhou um telhado verde, que durante a ação será transformado em uma horta.


Fotos: Luciana Serra / Divulgação

As aulas serão ministradas por um chef, que ensinará três receitas saudáveis diferentes por dia. Os cursos duram aproximadamente 30 minutos e são abertos, gratuitos e disponíveis a clientes do programa de fidelidade Mais do Pão de Açúcar. Ao final, os participantes degustam os pratos que aprenderam e tiram dúvidas.

Para a ação, foram selecionadas receitas fáceis e práticas, com foco em verão e a partir de uma seleção de ingredientes saudáveis e naturais. O projeto conta com sete aulas por dia, entre as 09h30 e 18h30, havendo sessões especificas para os colaboradores da loja. Em cada aula podem participar até 25 pessoas, selecionadas por ordem de chegada.


Fotos: Luciana Serra / Divulgação

As receitas já estão disponíveis no site www.conquistesuavida.com.br.

Veja abaixo os dias e locais que receberão o Food Truck.

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.