- Publicidade -

Jundiaí recebe até o dia dez de julho a exposição “Linha D’Água – Viagens oceânicas de Amyr Klink e suas lições sobre a água”, que poderá ser conferida no JundiaíShopping, de segunda a sábado, das 10h às 22h, e domingo, das 14h às 20h.

A exposição reúne 30 fotografias do acervo de Amyr Klink, destacando o uso racional da água nas expedições feitas por ele. O mundialmente respeitado navegador brasileiro já realizou mais de 40 viagens oceânicas e tornou-se referência nacional quando se fala em consumo consciente, especialmente da água. Viabilizado através de leis de incentivo e executado pela D’color Produções Culturais, o projeto foi inaugurado em 2014, com passagens por seis cidades de São Paulo. Esta nova etapa nas cidades de São Bernardo do Campo, Santo André, Guarulhos e Jundiaí tem patrocínio da Unipar Carbocloro. Em Jundiaí, também conta com o patrocínio da CPFL Energia.

- Publicidade -

A recomendação da Organização Mundial da Saúde é que cada pessoa gaste, somando suas atividades domésticas e de higiene, de 50 a cem litros diários de água. É muito? Pouco? Quantos litros de água você gasta por dia? Seria possível viver consumindo menos de três litros por dia? Amyr Klink garante que sim.

Há mais de 30 anos, ele passou cem dias num barco a remo com um consumo diário de 2,7 litros de água. A viagem foi a primeira travessia a remo do Oceano Atlântico e até hoje o navegador brasileiro é o único homem do mundo que conseguiu completar esta façanha. A experiência deu origem ao best seller ‘Cem dias entre céu e mar’, que ficou por 31 semanas consecutivas na lista dos dez livros mais vendidos de não-ficção no Brasil.

Estas e outras curiosidades fazem da exposição “Linha D’Água” um programa imperdível, mas que serve de alerta também para a necessidade de economia e do uso racional dos recursos naturais, especialmente da água. A exposição é patrocinada pela CPFL Energia e Unipar Carbocloro e produzida pela empresa campineira D’color Produções Culturais.

 

- Publicidade -