Um movimento de incentivo ao uso de bicicleta na capital baiana foi lançado no último domingo (22), em que foi celebrado o Dia Mundial Sem Carro. A população poderá alugar bicicletas durante a semana e pedalar com tranquilidade aos finais de semana na nova via instalada na cidade.

Foram inauguradas as primeiras estações de compartilhamento de bikes e a primeira ciclofaixa, que vai de Campo Grande até o Centro Histórico da cidade. O evento contou com a participação do prefeito, ACM Neto, que realiza a ação em parceria com o banco Itaú e a empresa Serttel, e integra o "Movimento Salvador Vai de Bike".

É um consenso  – tanto da população, quanto de visitantes frequentes – que o trânsito de Salvador está cada vez mais caótico. Entretanto, agora, os moradores têm a opção de usar as magrelas para percorrer pequenos trajetos, sendo uma alternativa para fugir do engarrafamento.

A bike repórter Renata Falzoni, que foi convidada para participar do lançamento do projeto, se mostrou otimista em relação à implantação do programa. “Conversando com o prefeito, eu senti muito mais determinação e vontade política. Ele está muito mais empenhado e mais elucidado do que se tem que fazer, do que propriamente os discursos das outras cidades, que é mais tímido”, afirmou em entrevista concedida a Valci Barreto, da Folha do Recôncavo. “Conheci Salvador nos anos 70 e fiquei abismada de ver o que está acontecendo aqui. A cidade está atormentada pelos carros, então, (o projeto) chega em um momento muito oportuno”.

As primeiras estações foram inauguradas na Praça Castro Alves, Praça da Piedade, Campo Grande, Porto da Barra e Jardim Apipema. Todas as bicicletas têm chips e são monitoradas 24 horas.

De acordo com a assessoria da prefeitura, o uso do sistema será praticamente gratuito, diferente do que acontece em outras capitais. O usuário arcará apenas com o credenciamento anual, no valor de R$10, e não haverá cobrança de tarifas diárias ou mensais. Já a ciclofaixa, funcionará aos domingos das 7h às 16h.

Para mais informações sobre o sistema de aluguel de bike clique aqui

Marcia Sousa – Redação CicloVivo

Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.