Prefeitos e vereadores vão de bike às cerimônias de posse

Esta semana marcou a posse de prefeitos e vereadores de todo o Brasil. A largada para novos projetos e mudanças foi dada. Alguns eleitos aproveitaram a chance para apostar na bicicleta como instrumento decisivo para a mobilidade urbana de suas cidades.

O principal destaque ficou por conta do prefeito eleito em Curitiba, Gustavo Fruet (PDT), que durante a sua campanha já havia prometido ir de bicicleta à cerimônia de posse. A palavra foi honrada e o Fruet chegou à sede da prefeitura acompanhado por dezenas de outros ciclistas, por sua esposa e por vereadores eleitos, que também embarcaram na ideia e pedalaram pela capital paranaense.

Entre as propostas de governo do novo prefeito de Curitiba está a criação de mais 300 quilômetros de ciclovia na cidade, com o intuito de incentivar a bicicleta como meio de transporte, principalmente para os trajetos curtos.

Outro prefeito que usou a bike como meio de transporte para chegar à cerimônia de posse em sua cidade foi Elias Gomes (PSDB), reeleito em Jaboatão, município próximo a Recife (PE). Diferente de Fruet, que usou roupas esportivas, Gomes pedalou com trajes sociais e gravata.

“Eu havia dito que, este ano, nós vamos priorizar a mobilidade humana: ao invés de priorizar o veículo, vamos olhar para os pedestres, trabalhar espaços para os ciclistas, porque esta é a forma de trabalhar a nova mobilidade”, declarou o prefeito de Jaboatão, à equipe do G1 Pernambuco.

Entre os vereadores, dois merecem destaque: Eduardo Romero (PT do B – Campo Grande) e Everaldo Augusto (PC do B – Salvador). O vereador sul-mato-grossense, Romero, percorreu 12,5 km de bike até chegar ao Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo. Durante o trajeto ele contou com a companhia de 32 ciclistas.

Augusto garantiu o apoio dos ciclistas não só no passeio até a posse, mas durante toda a sua campanha, graças a projetos de ampliação das ciclovias, ciclofaixas e dão projeto de construção de estacionamentos para bicicletas na capital baiana.  

Redação CicloVivo