Quem anda de bike sabe que o uso do capacete não é obrigatório, mas, mesmo assim, o equipamento cumpre importante função para a segurança dos ciclistas – seja nas ruas e avenidas, seja nas trilhas e parques. O CicloVivo preparou uma lista com os cinco capacetes mais eficientes fabricados nos últimos tempos. Confira:


Foto: Divulgação

Capacete que vibra na direção do obstáculo

O  Look System (acima) avisa os ciclistas quando um automóvel ou outra ameaça se aproxima da bicicleta. O equipamento emite um sinal vibratório na direção do obstáculo, permitindo que o usuário da bike mude sua trajetória a tempo de evitar um acidente.

O capacete tecnológico foi criado no College of the Art, em São Francisco, nos EUA, e um brasileiro faz parte da equipe que desenvolveu o Look System. Nos testes, o produto apresentou bom desempenho, mas ainda não é comercializado em nenhuma parte do mundo. 


Foto: Divulgação

Capacete de jornais antigos

Um dos capacetes mais sustentáveis do mundo é feito apenas com os jornais encontrados nas ruas de Londres. Biodegradável, o equipamento já protege os usuários de um sistema de compartilhamento de bikes na capital da Inglaterra, promovido pelo banco Barclays.

Os gastos de produção também são importantes diferenciais deste capacete: assim, cada unidade precisa de pouco mais de três reais para ser elaborada, e o equipamento não utiliza cola ou aditivos artificiais para ficar pronto.


Foto: Divulgação

Capacete dobrável

A Carrera desenvolveu um capacete dobrável, a fim de fazer com que os ciclistas levem o equipamento de segurança dentro de suas bolsas e mochilas. Além de ser mais prático para as pessoas que andam de bicicleta, o capacete é mais seguro – possuindo tiras unidas por estruturas elásticas, que se adaptam ao formato anatômico de cada cabeça.

O equipamento também permite a entrada de vento, inibindo o aquecimento da cabeça e diminuindo a produção de suor, que pode causar irritações no couro cabeludo e mau cheiro no capacete. O equipamento está disponível em várias cores, no site da marca. 


Foto: Divulgação

Capacete de papelão reciclado

 

Feito de papelão reciclado, o Kranium é um capacete criado por um estudante indiano que cumpre com eficiência a função de proteger as pessoas que andam de bicicleta. Isso porque o material reciclado possui ondulações internas capazes de absorver até os impactos mais fortes que podem ocorrer nos acidentes.

Com custos baixos de produção, o equipamento é à prova d’água e resistente ao fogo, e caiu no gosto dos investidores –em breve, o Kranium será comercializado a preços acessíveis para os ciclistas do mundo inteiro.


Foto: Divulgação


Capacete que filma por até 2h

Apresentado no começo deste ano, o Helmet of Justice (traduzido para Capacete da Justiça) não só protege os ciclistas de acidentes, mas também filma todo o trajeto dos ciclistas. Com sete câmeras apontadas a todas as direções, o equipamento consegue registrar vídeos de até duas horas, efoi planejado para esclarecer os reais motivos dos incidentes com usuários da bike.

A previsão é que o custo inicial do equipamento no mercado chegue a R$ 600, mas, por enquanto, a empresa do Texas que criou o Helmet of Justice tenta licenciar o projeto com outras marcas especializadas.

Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.