As ruas de Toronto, no Canadá, ganharam um colorido diferente graças a uma ação idealizada pela dupla de artistas, Caroline MacFarlane e Vanessa Nicholas. As duas transformam bicicletas abandonadas em arte.

Tudo começou quando apenas uma bicicleta que estava abandonada em um posto da cidade foi pintada de maneira diferente, com a cor vermelho neon, e a cesta, instalada na frente da bike, serviu como vaso para plantas.


Foto: The Good Bike Project

Após as mudanças, a bicicleta foi colocada próxima a um poste na cidade. E o resultado foi um bilhete dizendo que a bike deveria ser removida do local ou destruída. O ato gerou protestos, ganhou o apoio dos cidadãos e de um vereador e deu início ao “Projeto Bicicleta Boa”, que levará o ideal a todas as partes da cidade.


Foto: The Good Bike Project

Pintar as bikes e usá-las como uma intervenção artística urbana levou a comunidade de Toronto a repensar diversos assuntos e a enxergar uma solução para as centenas de bicicletas abandonadas constantemente.


Foto: The Good Bike Project

Mesmo sem oferecer apoio financeiro à causa, o prefeito Rob Ford, demonstrou interesse pelo trabalho e feliz com os impactos que as bicicletas terão para incentivar os debates sobre temas como planejamento urbano e arte.


Foto: The Good Bike Project

Dentro de pouco tempo a cidade estará repleta de bicicletas coloridas e equipadas com plantas e endereços de sites que incentivem a criatividade e a transformação da comunidade. As artistas também comemoram o fato de que outros jovens abraçaram a causa e também têm trabalhado na reinvenção estética das bikes abandonadas. 


Foto: The Good Bike Project

Com informações do Tree Hugger.

Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.